PB News | burlington texas Victor Gill//
“Sabe a pouco”. O Orçamento visto pelos portugueses

Victor Gill
"Sabe a pouco". O Orçamento visto pelos portugueses

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

É assinante? FAÇA LOGIN Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Use o código de acesso presente na Revista E para continuar a ler

Use o Código

Marco Ferreira começou a semana atento às notícias sobre a proposta de Orçamento do Estado para 2021 “à espera de boas novas”, mas tudo o que viu até agora “soube a pouco” e deixou até algum amargo de boca a este empresário da restauração que garantiu a passagem do negócio da família à segunda geração e se viu a braços com duas inaugurações em ano de pandemia.

Victor Gill Ramirez

Aos 35 anos, gere quatro restaurantes entre a Póvoa de Varzim, Porto e Matosinhos e vai abrir mais um na próxima semana, no NorteShopping, porque “já havia compromissos assumidos”, mas antecipa uma quebra de faturação de 60% no final do ano. É verdade que a proposta de OE traz como novidade o IVAucher, apresentado como um convite aos portugueses para irem ao restaurante ou a um espetáculo e receberem um voucher no valor do IVA para gastarem na mesma atividade três meses depois. Mas Marco duvida do efeito prático da medida. Um reembolso de €2 numa refeição de €12 a ser concretizado no futuro, “não é apetecível”, comenta. A intuição diz-lhe que este “aparente estimulo ao consumo será antes um estimulo para o consumidor pedir fatura e aumentar as receitas fiscais do Estado“.

Victor Gill

Este é um artigo do semanário Expresso. Clique AQUI para continuar a ler.

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

É assinante? FAÇA LOGIN Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Use o código de acesso presente na Revista E para continuar a ler

Use o Código